Cla Lasombra

Trechos do livro Mind’s Eye Theatre: Vampire The Masquerade Ed. 2013.
Tradução livre por BNS Project.

"Eu sei que você me teme. Você também me ama, no lugar secreto entre a escuridão e a alma. Você se esconde na luz, mas lembre-se: cada vela molda uma sombra."
- Romero de la Salle

Produzidos na escuridão, têm seus espíritos combinados com as profundezas do abismo, os vampiros do clã Lasombra são régios, elegantes e consumidos com o exercício do poder sem falhas. Poucos vampiros têm tanta vontade e controle quanto os Lasombra, ou mantêm um interesse tão profundo em excelência, nobreza, e ambição. As fileiras do clã estão cheias de sacerdotes que seriam o Papa e conselheiros que dirigem os destinos das nações. Eles apreciam os "esportes" da nobreza (nomeadamente duelos, envenenamentos, assassinatos, e ambições) e governam a noite com elegância e desejo negro.

Onde outros vampiros procuram sentido, buscando sangue ou suas hierarquias internas para motivá-los ao longo de uma existência imortal, os Lasombra buscam nada além da supremacia completa. Sua influência na igreja é incomparável. Ao longo dos tempos, os Lasombra investiram-se com as armadilhas da fé, aproveitando da riqueza e do poder dos bastidores.

Embora a fé seja crucial para os Lasombra, a maioria deles não acredita que os vampiros possam ser perdoados ou resgatados. Eles acreditam que o vampirismo é uma maldição levada a alguns para levar os mortais à luz de Deus ou para punir e destruir aqueles que não se afastarão da escuridão. Certamente, o clã há muito abandonou a esperança de uma vida após a morte ou salvação. Que prazeres um Lasombra encontra, ele encontra no mundo mortal; que glória ele ganha vem de ver inimigos e novos-ricos esmagados sob sua bota. A arrogância parece nativa do vitae Lasombra. Mesmo os mais jovens do clã irradiam um senso de comando obscuro, e os anciãos verdadeiros podem usar o poder do clã sobre a sombra para reforçar sua vontade na própria noite. Eles sentem que nenhum outro vampiro é igual, e que o clã Lasombra é de sangue quantificamente superior.

Características do Clã

Apelido

Guardiões.

Disciplinas

Dominação, Potência, Tenebrosidade.

Organização

Os Lasombra preferem cortes reais, massas escuras, e as armadilhas e títulos da aristocracia. A cerimônia, bem como o poder, são parte integrante da estrutura interna do Clã. Os Lasombra são tortuosos e assassinos, para dizer o mínimo. A linhagem oferece muito prestígio, e algumas linhas familiares são mais reverenciadas do que outras. Um sistema complexo de patrocínio e mentoria fornece mais posição, assim como a posição de alguém dentro da hierarquia de sua seita. Um pequeno grupo dentro do Clã, conhecido como Amici Noctis (Amigos da Noite), se encontra em segredo e estabelece uma política para o resto do Clã. Este corpo exerce sua vontade sobre todos os membros do Clã Lasombra, independentemente da aliança de seita ou pessoal. Quando um Lasombra deve ser julgado, ele é levado perante um Tribunal de Sangue, que se senta em julgamento sobre sua dignidade, e pode condená-lo à morte se for considerado incompetente.

Fraqueza de Clã

Vampiros Lasombra não lançam reflexos. Seja em um espelho, em um corpo de água, em uma superfície polida, ou na parte traseira de um táxi, a imagem dos Lasombra não reflete. Seu reflexo não pode ser capturado por dispositivos que usam espelhos (como câmeras antigas), mas podem ser gravados por dispositivos digitais modernos.

Qualidades do Clã

Lasombra podem comprar quaisquer das seguintes qualidades únicas aos Lasombra:

Angelical
(Qualidade de 1 ponto)

Você ganha o foco Carisma do Atributo Social.

Nascido nas Sombras
(Qualidade de 2 pontos)

Você não precisa gastar Sangue para ativar os primeiros 2 pontos de Tenebrosidade.

Caminhar pelo Abismo
(Qualidade de 3 pontos)

Você é treinado em uma das raras artes do Misticismo do Abismo. Através do uso deste ritual, você pode percorrer longas distâncias caminhando dentro das profundezas do Abismo.

Linhagem Kiasyd (Qualidade de 4 pontos)

"Tanta ignorância no mundo. Seria trágico se eu não tivesse senso de humor sobre tudo."
- O Oraculo de Koblenz

Disciplinas: Dominação, Mytherceria, Tenebrosidade.

Pouco antes do século XII, um Lasombra chamado Marconius experimentou a disciplina de Tenebrosidade e o sangue das Fadas. Ele sofreu um resultado catastrófico, alterando permanentemente sua natureza física e espiritual; ele se tornou um Kiasyd. Kiasyd é recluso, preferindo uma vida solitária mesmo à companhia de seu próprio tipo. Alguns clãs acreditam que Kiasyd não são vampiros, mas se tornaram algo de outro mundo (e potencialmente uma violação à Máscara). Misteriosos, alienígenas e estranhos, Kiasyd são tratados com suspeita e animosidade sempre que aparecem dentro da sociedade vampírica.

Fraqueza Alternativa: Como o fundador da linhagem, Marconius, o Abraço de um Kiasyd o altera fisicamente ao ponto em que mal é reconhecido, mesmo como humano. Kiasyd cresce excepcionalmente alto, sua pele vai de pálida à um branco calcário e seus olhos escurecem em órbitas de ébano. Kiasyd também sofrem com a fraqueza padrão Lasombra.

Kiasyd

Personagens Lasombra

O cabra que não tem culhão para erguer a peixeira, não pode arrodear o trono do Pai Negro.

Jorge Silva, Trovão da Dor Jorge/Lasombra