O Colapso Econômico Mundial

O Colapso Econômico Mundial

Trechos do livro Mind’s Eye Theatre: Vampire The Masquerade Ed. 2013.
Tradução livre por BNS Project.

O colapso financeiro de 2009 varreu como uma tempestade de fogo a economia global. Os Ventrue perderam o controle dos bancos suíços, resultando em um golpe financeiro amplo pelos Giovanni. Os Ventrue reagiram rapidamente, mas os Giovanni estavam se preparando há décadas. Os Ventrue foram superados. Temendo a perda completa de sua hegemonia, Clã Ventrue despertou um antigo príncipe suíço chamada Purissimma Giess, na esperança de utilizar o poder da Matusalém e reservas de ouro. Era um risco desesperado, um que exigia o dispêndio de muitas dádivas.

Giess despertou para um mundo que ela mal compreendia. Ainda assim, sua perícia residia nos campos das dádivas e poderes dos vampiros, mesmo depois de um sono tão longo ela tinha um grande poder pessoal para gastar em nome de seu clã. Giess tinha construído sua reputação como uma mediadora de casos imortais, estabelecendo conflitos entre os Ventrue e os Giovanni durante a Era Vitoriana. Muitos Giovanni estavam pessoalmente em dívida com ela, e ela usou aqueles benefícios implacavelmente para sufocar o clã mercante.

Em troca de seus gastos pessoais significativos em nome de seu clã, Giess exigiu apenas uma coisa: que o trono da Suíça seja cedido novamente à sua autoridade. O atual príncipe do país, o independente Brujah Guillaume, se recusou a entregar sua práxis ou até mesmo negociar com os Ventrue. Rumores circulavam na Europa que durante o reinado de Giess os dois vampiros eram amantes. Se assim for, os Brujah não acolheram seu despertar. Ele não se dignou encontrar com Giess mesmo em nome de seus dois clãs. Uma inimizade amarga e fria se estende entre os dois, fazendo com que todas as negociações congelem em futilidade. Giess e Guillaume são extremamente bem conectados, e qualquer conflito iria imediatamente escalar para consumir ambos os clãs, e potencialmente toda a sociedade de vampiros. Giess é um descendente da Camarilla, e Guillaume é um príncipe independente. Os Giovanni desejam ver Giess comprometida, enquanto os inimigos dos Brujah querem que Guillaume caia da graça. A Humanidade de Giess é notavelmente ausente, enquanto Guillaume é um modelo de ética e moralidade apropriadas. Rumores afirmam que Guillaume tem laços com anciãos misteriosos e isolados do Inconnu, enquanto outros sussurram que Giess ganhou seus favores sobre os Giovanni, ajudando na destruição dos Capadócios. Ambos os anciões têm linhagens proeminentes, e ambos têm muitos aliados. A luta entre os dois poderia inflamar velhos ódios entre os clãs Ventrue e Brujah. Se essa rivalidade apodrecesse seu meio, ou entrar em erupção numa guerra aberta, poderia rasgar a seita e separar a Camarilla

Contribuindo ainda mais para os problemas da Camarilla, informações estão surgindo sobre traições antigas: segredos vendidos pelo Nosferatu. Esse clã insular está lucrando com o aumento das hostilidades entre os Brujah e os Ventrue, e está aproveitando ao máximo ambos os clãs.